Para iniciar esta peça encontre um pedaço de caibro com 25 cm no mínimo.

Faça a primeira marcação da peça determinando seu comprimento e com um serrote realize o primeiro corte. Neste caso não é necessário muita precisão, pois você pode corrigir posteriormente. Desenhe sobre a peça cortada o formato de seu malho e determine o tamanho do cabo pela sua mão. Marque a região que irá ser cortada. Você pode fazer cortes em ângulos, como está na peça, ou para facilitar só cortes retos. Prenda a peça em uma morsa ou com grampos em uma bancada

Com a peça presa, realize os primeiros cortes com o serrote. Faça cortes de 1,5 ou 2 cm de afastamento e que parem na marcação feita, estes pequenos cortes facilitarão para você remover os pedaços. Se a peça tiver cortes em ângulo, lembre-se de inclinar a peça e não o serrote. Se achar mais fácil, faça os cortes retos e depois você desgasta com a grosa.

Dica: Use toda a extensão do serrote para fazer os cortes e não faça muita força. Deixe os dentes fazerem seu trabalho e tente fazer movimentos contínuos e ritmados. Se o serrote prender é porque você, ou está entortando a lâmina , ou está utilizando força demais.

Retire os pedaços cortados com um formão e um malho (se você não tiver um, porque esta fazendo o seu, use um pedaço do caibro ou um martelo de borracha). Se a madeira começar a lascar, tente fazer o corte em outro sentido que não lasque, pois pode estragar sua peça. Não utilize martelo de ferro com o formão porque acaba com a ponta da ferramenta e com isso a sua vida útil.

Depois de retirar o grosso, prenda a peça na bancada e com um formão deixe a peça o mais lisa e plana possível. Repita o processo do outro lado e tente fazer com que os dois lados fiquem o mais uniforme possível.

Com uma plaina manual comece a retirar os cantos deixando o malho com um formato mais arredondado. Para usar a plaina regule sua lâmina, ela deve estar alinhada com a base da ferramenta com mais ou menos 1mm para fora, e também deve estar afiada. Passe a plaina sem fazer muita força e comece a retirar pequenas camadas. Se a plaina pipocar, mude o sentido do corte ou regule a lâmina novamente. Se você não tiver plaina ou não quiser usá-la, então faça este processo utilizando uma grosa. (veja mais adiante como usar)

Depois de arredondar dois lados da peça, vire a mesma e retire o excesso de madeira do cabo, essa medida vai depender do tamanho de sua mão. A peça tem que ficar confortável para você segurar. Na extremidade deixe uma pequena saliência para que além de mais bonita, fique mais segura para bater no formão. Repita o processo: corte com o serrote, tire os pedaços com o formão e alise.

Agora a brincadeira fica mais gostosa e criativa. Com uma grosa, arredonde, desgaste, incline, e dê forma ao seu malho. Passe a grosa na madeira em toda a sua extensão e use movimentos leves para não tirar demais e se arrepender depois.

Com a grosa a madeira fica com esse aspecto rústico e desfiado, mas dá para ter uma boa noção de como vai ficar. Continue a dar forma a sua peça. Meu conselho é que você deixe-a confortável a sua pegada e que não tenha nenhum canto que possa machucar sua mão.

Use lixas grossas e finas para dar acabamento. Comece com lixa 60 e vá afinando.

Quando você estiver lixando, a peça ficará coberta de uma poeira bem fina e muitas vezes não dará para ver onde estão os defeitos. Para realçar as imperfeições, passe um pouco de óleo ou seladora. Não deixe secar muito, caso utilize o óleo, passe um pano e volte a lixar. Veja como os defeitos aparecem na foto com o óleo.

Depois de lixar bastante e retirar todas as imperfeições, finalize com óleo caso tenha-o utilizado inicialmente ou verniz ou seladora. Dê o acabamento que melhor lhe agradar. Não misture óleo com verniz ou esladroa.

Peça pronta para uso.

6 comentários sobre “Malho de madeira – Como fazê-lo utilizando somente ferramentas manuais”

  1. Marcelo V. Correia disse:

    Muito legal seu passo-a-passo, muito educativo, já vou tentar fazer o meu! Obrigado!

  2. Boas dicas. Já coloquei em prática e deu certo.

  3. Alguém me conte para que serve este instrumento, bater na cabeça de ladrão?

    1. Caro Lazarent
      Esta ferramenta é muito utilizada para retirar excessos de substratos de vários materiais, principalmente de madeira e pedra). No caso da pedra esta ferramenta deverá se feita de metal.
      O uso da mesma sobre a cabeça de um formão, bem afiado, distribui bem uniformemente a pancada sobre o mesmo e o material, facilitando o corte da madeira, evitando profundidades, inclinações e batidas erradas. Com o uso vc poderá obter um serviço mais perfeito, inclusive sobre pedras (esculturas; estátuas; vasos; fazendo baixos relêvos e altos).
      Verifique os trabalhos de grandes escultores: Michelangelo Buonarroti; Bernini; etc. Um abraço e aproveite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *