Reciclagem de madeira

Reciclar madeira, como aproveitar madeiras usadas, reaproveitamento de madeiras, como selecionar madeiras, madeira de demolição.
Neste vídeo mostramos como identificar uma madeira em potencial. Ensinamos detalhes que devem ser vistos ao se deparar com madeiras que a princípio parecem podres porém escondem no seu interior um excelente material.

Certas madeiras nobres quando expostas ao tempo, apresentam podridão em sua camada superficial, camada esta que ao ser escovada, revela veios e ranhuras incríveis , muito características dos móveis feitos com madeira de demolição, termos este comum no mercado.

Não se deixe enganar pela aparência, que pode esconder verdadeiros tesouros. Com um pouco de prática você conseguirá identificar bons materiais. Às vezes a madeira pode não estar com aparência de podre, mas sim pintada, o que também esconde suas características. Uma boa dica é sentir o peso da madeira e sua solidez. Se possível corte alguma ponta para ter a real noção do seu interior. Fique atento!

6 respostas
  1. ALUIZIO IDEIA
    ALUIZIO IDEIA says:

    Preciso manter contato com voçe é sobre a proposta de parceria para a realização de oficinas de reciclagem de madeira no estado do Amapá

    Responder
  2. Michel
    Michel says:

    Tenho uma demolidora estou mudando de ramo tenho muita madeira de todos os tipos e tamanhos de varias qualidades tenho enteresse de se desfazer de tudo existe alguem que se enteresse nessas madeiras
    vou deixar meu fone e whats
    04198412716 /04133594182
    aceito proposta

    Responder
  3. Leandro
    Leandro says:

    Sobraram das obras no meu apartamento vários m² de tábua corrida (estimo entre 25 e 30m²), ipê champagne, além de portas, aduelas, alisares e outras peças de madeira. Gostaria de ter um destino para elas, mas está tão difícil conseguir! O material está na Tijuca-RJ. Caso tenham interesse, façam contato.
    Agradeceria também, caso não tenham interesse, se tiverem contato de algum possível interessado.
    O material é bom para mobiliário, para painéis decorativos, recobrir fachadas… vários usos enfim.
    Queria ter tempo e espaço para trabalhar essa madeira. Idéias não faltam…..

    Abraços,

    Responder
  4. Anônimo
    Anônimo says:

    Marcelo, meus parabéns pelo ótimo trabalho. Utilizei os conhecimentos que você apresentou para corrigir um compensado com o qual fiz um painel para fixar um quebra cabeças que minha esposa e eu montamos. Agora vou ver os outros vídeos de onde espero tirar idéias para fazer mais coisa para minha casa com minhas próprias mãos.

    Agradecer é minha forma de retribui-lhe.

    Responder
  5. Claudia Helena Walendy
    Claudia Helena Walendy says:

    Marcelo, adorei o assunto, também faço coleta de madeiras na rua, troca de telhados já fico rodeando, gosto muito de batentes, com ou sem portas. escolho madeiras de maior densidade. Complemento suas informações: devemos realizar uma boa avaliação quanto a sinais de brocas, cupins e, principalmente, a presença de pregos, a maioria das madeireiras não coloca madeira usada na plaina ou serra por isso. Costumo usar avaliação visual, pêndulos de imãs fortes e detectores de metais para achá-los e retirá-los. abraços

    Responder

Trackbacks & Pingbacks

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *